i3G
home
listanoticias

05/01/2012

Após reunião em Guadalajara, instituto i3G prepara novas ações para o projeto mGOV2

Projeto mGOV2

Foi realizada, nos dias 15 e 16 de dezembro, na Universidad Virtual de la Universidad de Guadalajara - México, a segunda reunião de trabalho dos projetos aprovados no âmbito da chamada pública “El Ciudadano y el Gobierno Electrónico en las Américas”.

Além da apresentação dos primeiros resultados dos projetos aos representantes da OEA, IDRCOUI-COLAMRed GEALC, a reunião também teve como pauta promover maior integração entre projetos e pesquisadores.

A partir desta integração, surgiu a oportunidade de expandir o projeto mGOV2 até a Colômbia, mais precisamente em Bogotá, em razão do interesse de organizadores e pesquisadores em aplicar um projeto piloto em uma região da cidade.

Neste sentido, a equipe do projeto mGOV2 prepara uma série de ações para tornar este piloto internacional viável, começando por uma análise técnica para que a social web application mGOV2 (SWAPP-MGOV2) suporte até 450.000 acessos, número correspondente a população da comunidade onde piloto será executado, além de iniciar a tradução para o espanhol.

No mesmo sentido, a equipe prepara uma série de pré-requisitos necessários para utilização da SWAPP, viabilizando o uso do aplicativo através de metodologia própria em desenvolvimento para o projeto. Mapeamento de áreas de acesso a internet, identificação de stakeholders, capacitação em redes sociais, gerenciamento de riscos e inteligência estão entre os principais pontos.

Este piloto será executado pelo instituto i3G, com apoio do Colégio de las Américas e gestão local pelo pesquisador Sandro Jimenez.

Além da parte tecnológica e metodológica, a equipe do projeto também está pesquisando e elaborando um documento de sensibilização, com estatísticas relacionadas ao acesso a internet, uso de redes sociais e dispositivos móveis na América Latina e Caribe, incluindo estudos de casos, que resultará em um documento de sensibilização para elaboração de políticas públicos em governo eletrônico 2.0, buscando responder a perguntas: Por que e como governos devem utilizar redes sociais e dispositivos móveis?

Quer conhecer melhor o projeto? Acesse a apresentação feita na reunião de Guadalajara ou através do II  Boletim Virtual "El ciudadano y el gobierno electrónico en las Américas" 
rodape